Postagens

Mostrando postagens de Março, 2016

.

Vem. Transpõe os muros.

.

Imagem
Deita-te curiosa Alice
Move-te para dentro. Para o bem mais.



LINEKER - Leite (vers. oficial)

Imagem

Diálogos soltos

- Tudo bem?
- Não, tô com um dor de viver do caralho.
- Dor?
- É, aquele vazio branco e sem fim
- Entendo
- Pois é

Azul

De um estranhíssimo azul do nosso tempo
e um corpo quente.

Imperativo Oceânico

Humilde chuva
invejo-te, cantam os postes
úmidos
de sua aparente liberdade.
Chorando, meio tortos
por sobre as casas,
estas, ainda mais tortas
em amorfas bandeiras.

Suave sereno
obsceno
(e ameno)
onde contam os mortos
e os vivos
e os quase vivos
e quase todos tão sós
de plenitude

Imensos, os raios
que rasgam ferozes
atrozes
impávidos
tremendo em teus lábios

E tu
torrente universal
tornaste
seiva
e sumo
e lago.

Legitimo, imperativo.
Oceânico.